Atuação do Pedagogo

Este blog será utilizado pela turma de 2006 do 4º ano "A" do Curso de Pedagogia do Centro Universitário Salesiano de São Paulo (UNISAL) como instrumento de apoio e produção de texto/artigo na disciplina Atuação do Pedagogo.

18.10.06

O Pedagogo nos eventos culturais

No 4º de Pedagogia, na disciplina da Atuação do Pedagogo recebemos uma proposta de trabalho para realizar uma pesquisa de campo na qual fomos levantar dados sobre a atuação do pedagogo fora do ambiente escolar.
Nossa proposta foi pesquisar Pedagogos que atuassem no espaço de eventos culturais (teatro, congresso, sarau, cinema e museu) e com essa proposta saímos a campo.
Nosso primeiro passo foi localizar esses espaços, e a partir daí elaboramos um guia de onde buscar essas informações. Como o grupo não mora nos arredores do UNISAL, resolvemos ir aos teatros e cinemas pertencentes ao nosso bairro e depois, juntas resolvemos nos organizar com dia e horário para irmos aos eventos culturais na cidade de São Paulo.
Na cidade de Osasco fomos ao cinema do Shopping Plaza localizada no centro de Osasco e lá, além de sermos mal atendidas, não obtivevemos a informação necessária. A recepção do funcionário em relação às informações solicitadas trouxe-nos incertezas e insegurança.
Disse-nos que a central do cinema ficava no Vila Yara.
De lá fomos ao Museu de Osasco para poder entrevistar uma pedagoga e ao chegar lá fui atendida por um funcionário que me atendeu me passou para a administração que disse que não tinha o profissional na área mesmo tendo trabalhos voltados para crianças. E para finalizar a minha pesquisa de campo fui ao Teatro Espaço Municipal e me dirigi a duas pessoas que estavam conversando e perguntei a elas se no teatro havia um pedagogo que orientava os trabalhos pedagógicos e me responderam com indelicadeza.
Num segundo momento da pesquisa nos organizamos e fomos a campo com o intuito de investigar novos elementos para compor o questionário informativo, fomos até a estação da luz visitar o Museu da Língua Portuguesa e ao chegar fomos pedir informação se havia no espaço profissional na área de pedagogia e se o mesmo planejava e orientava os monitores para melhor explicação dos conteúdos ali exposto aos visitantes. E a recepcionista não soube dar as informações corretas, não conhecia a política da empresa e não quis nos direcionar para falar com outra pessoa, a mesma foi indelicada. Saindo do Museu da Luz fomos ao Museu da Arte Sacra o qual fomos recepcionadas por uma segurança que nos direcionou para falar com a diretora que nos recebeu muito bem e nos informou que no museu não havia pedagogos atuantes, porem os monitores não precisavam ter nível superior e eles recebiam treinamentos para executar esta função. Na Pinacoteca fomos recebidas por recepcionistas que disse que na administração é que nos iríamos obter esta informação e só podíamos falar com eles com hora marcada e como isso não foi possível ligamos do lado de fora e perguntamos e nos responderam que não havia pedagogo e sim pessoas graduados em artes plásticas.
Visitamos o Itaú Cultural no qual fomos atendidas por um segurança que nos informou que lá não havia pedagogos atuando, e o mesmo nos disse que lá era um cinema que você pagava um valor simbolico e assistia até três filmes no dia.
No Masp o segurança nos informou que poderia haver um pedagogo atuando, só conseguiriamos falar com o pedagogo com hora marcada durante a semana, como nos fomos no sábado ficamos de voltar depois.